Encontre o que deseja mais rapidamente!
Digite a doença ou assunto que deseja saber:

Diagnóstico e Tratamento da Ansiedade

Em algum momento de suas vidas as pessoas sentem medo e sensação de ansiedade principalmente nas grandes metrópoles onde elas são surpreendidas todos os dias por episódios de violência urbana. No entanto os especialistas ressaltam que a sensação de medo geralmente é uma resposta orgânica ou psicológica  a alguma situação ameaçadora para o indivíduo como por exemplo, em ocasiões onde ele se envolve em um acidente de carro ou então quando sofre um tipo de assalto ou agressão física.

Já no caso da ansiedade ela se caracteriza por  ser um estado psicológico que causa grande desconforto emocional à  pessoa,porém não há um motivo aparente ou que esteja evidente que possa ter desencadeado essa sensação. A ansiedade na maioria das vezes sempre que acomete um individuo faz com que ele apresente algumas alterações emocionais e fisiológicas  muito parecidas com a sensação de medo.

Por isso os especialistas na área de saúde mental alertam para que a sensação de  medo em virtude de alguma situação externa e a ansiedade que é desencadeada sem uma causa explicíta não devem ser confundidas no momento de um diagnóstico médico.

Definindo a ansiedade

Os profissionais especializados na área  definem  a ansiedade como uma resposta do individuo dada a uma situação de intenso estresse emocional. Existem alguns pesquisadores da área de saúde mental que defendem a hipótese de que a ansiedade possa ser também uma resposta a algum tipo de impulso que foi reprimido por muito tempo pelo paciente. Esses impulsos tenderiam a vir a tona em algum momento e a pessoa através de defesas emocionais ou psicológicas conseguiriam controlá-los.

Desse modo a ansiedade denota que haveria a presença de algum tipo de conflito emocional no indivíduo. Com duração bastante variável que pode ir de alguns minutos até vários anos,  ansiedade pode surgir de repente com uma situação de perigo iminente em forma de pânico ou então pode surgir gradualmente ao longo da vida do individuo. Ansiedade pode apresentar vários graus de intensidade, isso significa dizer que ela pode surgir no paciente como um sentimento constante de angústia  e chegar até o grau onde o paciente tem uma sensação de pânico geral que chega a imobilizá-lo.

Alguns especialistas caracterizam o sentimento de ansiedade como se fosse  uma resposta do indivíduo de extrema importância para sua sobrevivência no ambiente em que vive. Essa resposta seria inconsciente porém essencial para quem vivencia os riscos das grandes metrópoles. A ansiedade em algum grau  desencadeia nas pessoas uma certa precaução que pode vir a ser muito útil se elas se depararem com situações onde haja algum perigo.

Distúrbio de ansiedade

Até  o presente momento verificamos que a ansiedade em certos momentos é até necessária para que a pessoa possa se precaver dos perigos que fazem parte do seu meio ambiente. No entanto existem alguns casos onde a resposta natural dada pelo indivíduo ultrapassa os parâmetros da normalidade se tornando exacerbada podendo caracterizar desse modo um distúrbio de ansiedade, onde as pessoas passam a responder de maneira alterada e por exemplo a sensação de medo se transforma em sensação de um pânico generalizado.

A ansiedade enquanto distúrbio psicológico surge em momentos inadequados interferindo na vida profissional,familiar, social e afetiva da pessoa podendo levar em ocorrências mais graves a uma depressão. Em alguns casos os pacientes depressivos podem desenvolver também transtornos de ansiedade.

Diagnóstico da ansiedade

Segundo os especialistas em saúde mental um dos transtornos psiquiátricos que mais acometem as pessoas são os distúrbios de ansiedade, cujo diagnóstico é realizado através dos sintomas apresentados pelos pacientes. De acordo com alguns especialistas  haveria uma predisposição para a ansiedade em pessoas onde já houvesse histórico familiar desse distúrbio.

Vale ressaltar que alguns sintomas da ansiedade como por exemplo insegurança, constante sensação de medo, suor, tremor, taquicardia, pânico, fobias, e em alguns casos irritabilidade podem ser confundidos com sintomas de  hipertireoidismo ou o uso de alguns tipos de medicamentos como os corticóides por exemplo. Daí a importância do correto diagnóstico para que possa ser realizado o tratamento adequado para a ansiedade.

Tratamento para a ansiedade

Depois do diagnóstico realizado de maneira correta por um especialista da área de saúde mental, os pacientes devem ser submetidos aos tratamentos. De acordo com esses profissionais a maneira adequada de tratar a ansiedade é combinar tratamento psicoterapêutico com a terapia medicamentosa, de acordo com a necessidade e o grau de ansiedade que cada indivíduo irá apresentar.

Por Salete Dias

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Leave a Reply

Email
Print